Redesenhar histórias com a avó ao colo

Sinopse

E se a ti Maria Carriça portuguesa fosse angolana como se vestiria? E que instrumento musical esconderia o Zé Nabiça na sua peliça se fosse moçambicano? Se a Lulik timorense existisse em Angola que forma teria?

Partindo do livro “Contar histórias com a avó ao colo” a ilustradora Tânia Clímaco propõe uma viagem intercontinental pelos contos de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste, redesenhando as histórias a partir da ilustração.

O livro “Contar histórias com a avó ao colo” é um livro comemorativo do Dia Mundial da Língua portuguesa, e são vários os países falantes de língua portuguesa, mas apesar deste ponto em comum, a língua, cada país possui uma identidade única com uma diversidade e riqueza cultural extraordinárias. Por isso, a ilustradora lança o desafio partindo dos contos presentes no livro uma troca de identidades.

Conteúdos a abordar

Esta é uma oficina que tem como objetivo promover a diversidade cultural dos países da CPLP – Comunidade dos Países de Língua Portuguesa através da expressão plástica. Trabalhando as cores, padrões, formas, figuras, gastronomia, fauna e flora, realidades culturais de cada um destes oitos países. 

Participantes

. Crianças dos 6 aos 12 anos, nº de participantes (1 turma)

. Famílias (criança(s) acompanhada de 1 adulto) nº de participantes 20

. Jovens adultos

Materiais por cada participante

Tubo de cola líquida, tesoura, 2 folhas papel A3, marcadores e lápis de cor.

Duração prevista 75 minutos

Digite acima o seu termo de pesquisa e prima Enter para pesquisar. Prima ESC para cancelar.

Voltar ao topo